Neste primeiro semestre de 2023, o IMS exibirá, em sua sede de São Paulo, exposições de grandes nomes da fotografia e da arte contemporânea: Evandro Teixeira (1935), um dos principais fotojornalistas brasileiros, Helena Almeida (1934-2018), consagrada artista portuguesa cuja obra investiga as relações entre corpo e imagem, e a escultora e artista multimídia brasileira Iole de Freitas (1945).

Neste período, o IMS apresenta ainda a mostra em celebração aos dez anos da Bolsa de Fotografia ZUM/IMS, realizada em parceria com o Pivô, espaço cultural localizado no Edifício Copan, no centro de São Paulo. A exposição, que será exibida no Pivô, reunirá obras dos artistas contemplados pela bolsa de fomento à produção de arte contemporânea, criada pelo IMS em 2013.

Glass Pieces, Life Slices, 1975. Sequência fotográfica [detalhe], 24 x 30 cm. Obra de Iole de Freitas/ Acervo da artista

Este ano, o IMS realizará uma reforma em sua sede do Rio de Janeiro para melhor receber os visitantes em exposições e eventos futuros. A casa no bairro da Gávea passará por um restauro, e as reservas técnicas dos acervos serão ampliadas. Durante o tempo necessário para essas obras, o centro cultural permanecerá fechado. Até março, o IMS Rio funcionará normalmente, sendo possível visitar a individual do fotógrafo Miguel Rio Branco, em cartaz no centro cultural até 26 de março.

Enterro do poeta Pablo Neruda no Cemitério Geral de Santiago, Chile, 25.09.1973. Foto de Evandro Teixeira/ Acervo IMS